Registo | Contactos

Entrevista a Leonor Medeiros

10 Abr 2012 - 21h16 - 1.424 caracteres

Leonor Medeiros venceu a 2ª edição do Famelab Português, no ano passado. Conservamos com ela sobre o que significou a participação.

 

António Piedade - O que motivou a sua participação no Famelab o ano passado?

Leonor Medeiros - A minha participação no Famelab foi feita de boas surpresas e melhores coincidências. Quando vi o anúncio do concurso no site da Ciência Viva achei que era uma experiência demasiado interessante para poder deixar passar, embora confesse que pensei em desistir em vários momentos! 


António Piedade - O que representou vencer a edição do ano passado?

Leonor Medeiros - Acima de tudo para mim representou o reconhecimento da Arqueologia enquanto ciência, dado que muitas vezes as ciências humanas são vistas como os "parentes pobres" das ciências naturais e exactas. Foi um momento alto do reconhecimento da importância das informações que são obtidas pelo trabalho arqueológico e especialmente gratificante ver o público e o júri a reagir a isso.

 

António Piedade - O que diria aos que estão hesitantes em participar na edição deste ano?

Leonor Medeiros - Diria que, se estão a hesitar por medo ou insegurança (eu estava aterrada quando fui à primeira eliminatória!) que esse motivo não é nada válido para deixar passar uma experiência que vai alterar o modo como olham e transmitem a vossa ciência, seja ela qual for. Se o motivo for falta de tempo, só posso dizer que, se chegarem à final, qualquer tempo que tenham gasto a participar será recompensado com uma experiência única e muito enriquecedora. Avancem, arrisquem, divirtam-se!

 

 

Ciência na Imprensa Regional – Ciência Viva


© 2012 - Ciência na Imprensa Regional / Ciência Viva


António Piedade

António Piedade é Bioquímico e Comunicador de Ciência. Publicou mais 500 artigos e crónicas de divulgação científica na imprensa portuguesa e 20 artigos em revistas científicas internacionais. É autor de sete livros de divulgação de ciência: "Íris Científica" (Mar da Palavra, 2005 - Plano Nacional de Leitura),"Caminhos de Ciência" com prefácio de Carlos Fiolhais (Imprensa Universidade de Coimbra, 2011), "Silêncio Prodigioso" (Ed. autor, 2012), "Íris Científica 2" (Ed. autor, 2014), "Diálogos com Ciência" (Ed. autor, 2015) prefaciado por Carlos Fiolhais, "Íris Científica 3" (Ed. autor, 2016), "Íris Científica 4" (Ed. autor, 2017).


Veja outros artigos deste/a autor/a.
Escreva ao autor deste texto

Ficheiros para download Jornais que já efectuaram download deste artigo