Registo | Contactos

Guia de Aves

02 Dez 2012 - 11h56 - 3.000 caracteres

Com o Outono algumas aves migraram para climas mais temperados.

Com o Outono chegou às livrarias a 2ª edição daquele que é considerado o melhor guia de campo para a observação e identificação de aves em Portugal e na Europa, publicada pela Assírio & Alvim. Quem o atesta é a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves, que constituiu uma equipa técnica para a tradução e revisão científica da edição original.

Os textos originais são da responsabilidade de Lars Svensson (especialista na identificação de passeriformes) e as ilustrações de Killiam Mullarnev (ornitólogo irlandês, especialista na ilustração de aves e muito experiente em expedições para a sua observação – Birdwatching) e de Dan Zetterztröm (excelente ilustrador e artista).

Esta 2.ª edição brochada possui 448 páginas com um formato de livro de bolso (13,5 x 19,4 cm), como convêm a um bom guia, e contem 3500 ilustrações sobre todas as plumagens representativas de cada espécie, pintadas por excelentes ilustradores de aves

“Este guia apresenta todas as espécies de aves que nidificam ou que aparecem regularmente na Europa, Norte de Africa a norte de 30º N, (…) e numa grande parte do Médio Oriente”, como se pode ler na introdução. O texto é detalhado e cobre aspectos do habitat, da área geográfica, da descrição e dos cantos de cada espécie. Inclui mapas de distribuição para as espécies de Portugal e da Europa, com informação rigorosa sobre as áreas de distribuição, de migração e de invernada.

São descritas 713 espécies numa secção principal com entradas por ordem alfabética do nome comum. Possui também uma “breve menção a 59 visitantes ocasionais e faz referência a 32 espécies ou variantes que provavelmente escaparam de cativeiro, ou que foram originalmente introduzidas na área e agora nidificam em estado selvagem, sem que haja apoio humano”. São ainda referidas “118 espécies muito raras, que se perderam, vindas de outros continentes”.

Para cada espécie é referida a respectiva classificação taxonómica e nomenclatura, o seu estatuto em relação à regularidade da sua presença em Portugal, mapas de distribuição, dimensão das aves, terminologia e símbolos (sexuais, tamanho, entre outros) úteis a quem não sendo especialista em aves se interessa por elas e pela sua História Natural. São descritas as vocalizações (voz) e respectivas transcrições. As ilustrações da plumagem incluem aspectos relacionados com a sua muda e desgaste para uma mais corecta identificação dos elementos de cada espécie. Há ainda espaço para uma breve e clara introdução sobre como “identificar as aves”, pelo que este guia também é útil a principiantes. Um índice remissivo facilita encontrar rapidamente no guia uma dada espécie, quer pelo nome comum, quer pelo científico.

Quem observar este guia não ficará com muitas dúvidas de que este seja considerado o melhor guia de aves até hoje publicado sobre as aves da Europa, Norte de África e Médio Oriente, disponibilizando toda a informação necessária para identificar qualquer espécie em qualquer época do ano.

Mesmo no Natal!

 

António Piedade

Ciência na Imprensa Regional – Ciência Viva

 

 

Ficha Bibliográfica:

Titulo: Guia de Aves

Autor: Lars Svensson, Killian Mullarney e Dan Zetterström

Tradução e Revisão Cientifica: Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves

Edição: Assírio & Alvin

2ª edição: Outubro de 2012

Colecção: Rosa dos Ventos 6 – Tema, Classificação: Natureza

N. Páginas: 448

ISBN: 978-972-0-79214-3

 


© 2012 - Ciência na Imprensa Regional / Ciência Viva


António Piedade

António Piedade é Bioquímico e Comunicador de Ciência. Publicou mais 500 artigos e crónicas de divulgação científica na imprensa portuguesa e 20 artigos em revistas científicas internacionais. É autor de sete livros de divulgação de ciência: "Íris Científica" (Mar da Palavra, 2005 - Plano Nacional de Leitura),"Caminhos de Ciência" com prefácio de Carlos Fiolhais (Imprensa Universidade de Coimbra, 2011), "Silêncio Prodigioso" (Ed. autor, 2012), "Íris Científica 2" (Ed. autor, 2014), "Diálogos com Ciência" (Ed. autor, 2015) prefaciado por Carlos Fiolhais, "Íris Científica 3" (Ed. autor, 2016), "Íris Científica 4" (Ed. autor, 2017).


Veja outros artigos deste/a autor/a.
Escreva ao autor deste texto

Ficheiros para download Jornais que já efectuaram download deste artigo