Registo | Contactos

Abriu o FameLab 2013

14 Mar 2013 - 16h15 - 1.738 caracteres

Em 2012, Filipa Oliveira subiu ao palco do Cheltenham Science Festival para falar sobre as experiências do físico Michael Faraday. Este ano quem irá representar Portugal na final internacional do FameLab?

O FameLab é um concurso de comunicação científica dirigido a estudantes, licenciados, professores e doutorados, que competem entre si para representar Portugal na final internacional. Os interessados devem submeter os seus vídeos (com a duração máxima de três minutos) até 12 de Abril através do formulário disponível na página da Ciência Viva.

Esta espécie de Ídolos da ciência pretende apurar uma nova geração de comunicadores de ciência. Em Portugal a organização é do British Council e da Ciência Viva, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian.

Vinte e um países participam este ano no certame onde o que conta é a capacidade de usar a palavra e o gesto (são proibidos os habituais powerpoints). As melhores comunicações de ciência serão apuradas para a semi-final, que terá lugar a 27 de Abril no Centro Ciência Viva de Sintra. Os dez finalistas escolhidos por um júri presencial frequentarão uma Masterclass de comunicação de ciência, a decorrer nos dias 11 e 12 de Maio no Centro Ciência Viva de Estremoz, e que contará com a participação de um especialista do Cheltenham Science Festival.

O representante português na final internacional, a decorrer no Reino Unido entre 4 e 9 de Junho, será apurado na finalíssima nacional, a 19 de Maio, no Pavilhão do Conhecimento-Ciência Viva.

As inscrições estão abertas. Se quer comunicar ciência, puxe pela língua e concorra.

 

Página oficial: www.cienciaviva.pt/famelab

Formulário: http://www.cienciaviva.pt/actividades2010/famelab2013_inscricoes/

Facebook: www.facebook.com/famelabPortugal


© 2013 - Ciência na Imprensa Regional / Ciência Viva


António Piedade

António Piedade é Bioquímico e Comunicador de Ciência. Publicou mais 500 artigos e crónicas de divulgação científica na imprensa portuguesa e 20 artigos em revistas científicas internacionais. É autor de sete livros de divulgação de ciência: "Íris Científica" (Mar da Palavra, 2005 - Plano Nacional de Leitura),"Caminhos de Ciência" com prefácio de Carlos Fiolhais (Imprensa Universidade de Coimbra, 2011), "Silêncio Prodigioso" (Ed. autor, 2012), "Íris Científica 2" (Ed. autor, 2014), "Diálogos com Ciência" (Ed. autor, 2015) prefaciado por Carlos Fiolhais, "Íris Científica 3" (Ed. autor, 2016), "Íris Científica 4" (Ed. autor, 2017).


Veja outros artigos deste/a autor/a.
Escreva ao autor deste texto

Ficheiros para download Jornais que já efectuaram download deste artigo